Como Tirar sua Primeira Carteira de Trabalho

Em 1932 no dia 21 de março o Decreto nº 21.175 instituiu a Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) e no dia 29 de outubro do mesmo ano foi regulamentada. A carteira de trabalho é considerada um documento obrigatório para que o trabalhador possa ser contratado por qualquer empresa independente do tipo de atividade a ser realizado. Neste artigo vamos dar instruções de como solicitar sua primeira carteira de trabalho, confira abaixo os documentos necessários e onde solicitar a certeira de trabalho:

carteira-de-trabalho

Foto divulgação: “Como faço para tirar minha carteira de trabalho?”

Na carteira de trabalho é possível visualizar todo o histórico profissional do trabalhador, pois é neste documento que é feita as anotações das empresas contratadas e é através dele que o trabalhador consegue ter acesso aos seus direitos. Com a carteira de trabalho é possível desfrutar de todos os direitos trabalhista que o cidadão tem direito como os benefícios previdenciários, o seguro-desemprego e o FGTS.

Documentos necessários

Para solicitar a primeira via da carteira de trabalho é preciso ter em mãos a carteira de identidade, o comprovante de residência e uma foto 3×4 recente. Caso o trabalhador seja menor de idade é preciso apresentar a certidão de nascimento, se for maior de idade é preciso apresentar o Extrato do PIS que pode ser retirado na Caixa Econômica Federal, caso seja casado também é preciso comparecer com a certidão de casamento, se for separado é preciso comparecer com a certidão de casamento averbada e caso seja viúvo é preciso comparecer com a certidão de casamento e com o atestado de óbito. Poderá levar o CPF, Titulo de Eleitor e Carteira de Habilitação pois são documentos opcionais.

Onde solicitar a carteira de trabalho

A solicitação deve ser feita nas Delegacias Regionais de Trabalho, nas Subdelegacia Regionais do Trabalho, nas Agencias Regionais, nos Convênios e nas prefeituras.

Como solicitar a 2ª via da Carteira de Trabalho

A carteira de trabalho é essencial na vida do trabalhador brasileiro, afinal é na carteira de trabalho que ficam armazenados todos os registros das empresas que o cidadão trabalhou e desta forma terá todos os seus direitos previdenciários e trabalhistas como o direito as férias, o direito de receber o décimo terceiro salário, o repouso remunerado, o salário e também a aposentadoria. Se as páginas de sua Carteira de Trabalho já foram completamente preenchidas você precisará tirar a segunda via de continuação da carteira de trabalho, neste caso é também preciso apresentar a Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS). Assim como qualquer outro documento estamos sujeitos a perder a carteira de trabalho seja ela roubada, danificada ou mesmo perdida. Saiba que é possível tirar a 2ª via da carteira de trabalho tranquilamente.

tirar-carteira-trabalho

Como tirar segunda via da carteira de trabalho

Documentos necessários para solicitar a 2ª via da carteira de trabalho:
•    Uma (01) foto 3×4 recente;
•    Carteira de Identidade;
•    CPF (Cadastro de Pessoas Físicas);
•    Comprovante de residência (conta de água, luz ou telefone);
•    Extrato PIS (retirado na Caixa Econômica Federal).

Para solicitar a 2ª via da carteira de trabalho precisará estar com alguns documentos em mãos como o CPF, o comprovante de residência, o RG (pode ser a certidão de nascimento e até mesmo poderá usar a carteira de motorista- CNH), um extrato do PIS que pode ser tirado em na Caixa Econômica Federal e uma foto 3X4 mais recente possível. Se o cidadão estiver casado é preciso ter em mãos a certidão de casamento e caso seja divorciado é preciso estar com a certidão de casamento averbada.

Caso a CTPS tenha sido danificada de uma forma que o portador não seja reconhecido no documento, o trabalhador também precisará apresentar a declaração do que ocorreu reconhecida pelo Cartório. Em caso de roubo ou perda da carteira de trabalho, o trabalhador precisará apresentar o Boletim de Ocorrência.

A pessoa terá que pedir a segunda via do documento na Superintendência Regional do Trabalho (SRT), nas Prefeituras, em alguma Subdelegacia Regional do Trabalho ou no Poupa Tempo. Para recuperar todos os registros perdidos é preciso estar com a segunda via da carteira de trabalho em mãos para que consiga os registros novamente nas empresas em que trabalhou e se a empresa já não existe é preciso solicitar a SRT o histórico dos registros.