O Mercado Global e sua Formação – Globalização

Para entender o mercado global e sua formação, começamos por fazer algumas análises de como está o seu dia neste momento e sobre o que você está fazendo. Se estás lendo este texto, possivelmente estas na tela de um computador, notebook, tablet, ou smartphone, e talvez nenhum deles tenha sido fabricado no Brasil. Mesmo que a empresa que produziu seu computador seja nacional, talvez os componentes, tal como chipset, processador, placa mãe ou outros periféricos tenham vindo fora do país. É provável também que você esteja acessando lá do Japão o texto de um blog que está hospedado no Brasil, ou na Espanha, quem sabe.

O mundo de hoje é globalizado e tudo faz parte do sistema global. Desde o fim da segunda guerra mundial começou-se um processo onde todo o mundo encaminha para ser um só. Não vai custar muito para que apareça um ditador se dizendo Jesus Cristo e querendo tornar o mundo em um país. Mas vamos deixar um pouco esta questão politica e religiosa do fato de lado e falemos do que realmente importa: O mercado global.

O mercado global está cada vez mais global. Isto se deve pelo aumento de parcerias entre países e empresas de vários países. Até mesmo os países mais pobres tem algo a oferecer para os países mais ricos. O mundo se tornou tão globalizado nos dias de hoje que é impossível pensar em uma economia nacional baseada somente no que é produzido no Brasil ou em qualquer outro país do mundo.

entendo-o-mercado-global

O mercado global é formado por vários tipos de e países e economias, os quais você vai conhecer agora:

Países de baixa renda

Estes países tem uma industrialização limitada, uma renda relativamente pobre, sua instabilidade política é latente e eles dependem muito de ajuda estrangeira para sobreviverem. As pessoas destes países normalmente tem muitos filhos (alta natalidade) e não tem acesso à educação (analfabetismo). Também são conhecidos como países pré-industriais e estão concentrados na África.

 Países de renda média baixa

O mercado consumidor destes países estão começando a crescer, então são países em processo de industrialização e a mão de obra é relativamente barata, tanto que, quando precisam de atividades onde a mão-de-obra tem que ser alta, estes países se destacam (brinquedos e vestuários são um exemplo de atividades que precisam de alta mão-de-obra). A indonésia faz parte deste grupo de países.

 Países de renda média alta

O Brasil é um exemplo de país com renda média alta, também chamados de países emergentes, pois estão com um forte processo de urbanização e a renda está em ascensão, além de estarem em rápida industrialização. Como exportam muito, podem apresentar alto crescimento.

 Países de alta renda

Estados Unidos e Japão são países que fazem parte deste grupo no mercado global. Estes países são muito desenvolvidos, pois seu processo de industrialização alcançou um outro nível, sendo que o mercado de serviços nestes países ultrapassa os 50% do PIB.

 Países instáveis

A Etiópia, por exemplo, onde muitos passam fome, é um país instável, pois apresenta grandes conflitos e instabilidade política e por isso são pouco atraentes para o mercado global.

Todos estes grupos de países, embora uns sejam menos favorecidos que outros, fazem parte do comércio global.

Comentários

Envie seu comentário