O Poder das Dimensões Culturais nos Negócios

Muito se tem falado sobre dimensões culturais na hora de entrar em um novo país para fazer as suas operações. Sabe-se que é muito diferente você ter um negócio na China e outro nos Estados Unidos, mesmo que seja do mesmo ramo de mercado. A cultura de um país interfere diretamente na maneira como consomem, como vão ao shopping center, como fazem negociações, como tratam as pessoas, ou seja, em tudo a cultura interfere. Dificilmente poderá ser transportado um modelo de negócios de um país para o outro sem fazer alguma alteração por causa das dimensões culturais diferentes de ambos.

Teoria das Dimensões Culturais

Dimensoes-Culturais

Segundo o antropólogo Geert Hofstede, as culturas das nações podem ser listadas em 4 diferentes, tais são elas:

Distancia de poder

A sociedade tem uma distribuição de poder desigual. Essa distancia de poder é uma das dimensões culturais que tratam de analisar até que ponto a sociedade aceita esta distribuição de poder do jeito como se apresenta.

Cultura Individual

Existe um grau de integração de grupos e indivíduos na sociedade e a cultura individual reflete esse grau. Quando a cultura é individual, as pessoas tendem a se preocupar mais consigo mesmo e com sua família. Quando a cultura é coletiva, as pessoas estão integradas em grupos coesos.

Masculinidade e Feminilidade

No campo das dimensões culturais sob o ponto de vista da masculinidade, o papel dos homens é se preocupar com a questão material e as mulheres precisam cuidar da casa e dos filhos. Mas sobre o ponto de vista da feminilidade, tanto homem e mulher tem papéis iguais.

Aversão ao risco

Em muitas sociedade o risco é algo impensável. Os japoneses, por exemplo, só fazem negociações depois que conhecem bem a outra parte, pois isto minimiza o risco. Já em outras sociedades o risco é aceitado de forma natural e pode ser até um “algo a mais” para incentivar uma empreitada nova.

Assim como existem as dimensões culturais diferentes, existe também a necessidade do profissional de marketing perceber as necessidades de cada cultura, pois senão os negócios não vão prosperar como deveriam, ou talvez nem prosperem absolutamente nada. Mas a questão é que quem trabalha com marketing precisa deixar de lado suas experiências culturais e olhar sob um ponto mais objetivo para a outra cultura. Para isto pesquisadores dividiram em 4 passos a resolução de um problema cultural de um país para outro:

  1. Definir o problema segundo hábitos e normas do país de origem;
  2. Definir o problema segundo hábitos e normas do país de destino;
  3. Isolar a influencia do critério de auto referência, ou seja, tirar o seu modo cultural de ver as coisas;
  4. Redefinir o problema e resolvê-lo segundo o critério do país de destino.

Feito estes 4 passos é possível entender melhor as dimensões culturais de um novo país onde se quer realizar negociações.

Lembrando que alguns produtos precisam ser adaptados na hora que entrarem em um novo mercado regional, principalmente no que diz respeito a ramos alimentícios. Mas outros não precisam mudar nada, tais como são os chips de computadores, que serão usados da mesma forma em qualquer lugar do mundo.

As dimensões culturais precisam ser muito bem conhecidas na hora de expandir uma empresa para um mercado externo, ou seja, em outro país.

Comentários

Envie seu comentário