by

Portugueses decidem que compartilhamento de arquivos não é ilegal

Aaa… Se a moda Pega! O governo de Portugal, determinou que o compartilhamento de arquivos não é uma prática ilegal. A maneira com que as empresas de filmes e músicas têm agido nos últimos anos, mostra que o seu principal foco é processar o maior número de pessoas e outras empresas, para assim assustar muita gente e tentar minimizar a pirataria. Felizmente, o governo de Portugal, parece não se importar tanto com estas práticas, e foi além, uma decisão de um órgão governamental determinou na última quarta-feira que o compartilhamento de arquivos para uso exclusivamente privado não é ilegal.

A iniciativa foi tomada depois que a associação ACAPOR abriu um processo contra 2 mil pessoas de Portugal por terem baixado filmes de forma ilegal. Ao desenrolar do processo, o governo português descobriu que as leis existentes para o caso em questão não possuíam nada referente à troca de arquivos na internet, e por isso os 2 mil acusados de terem baixado filmes ilegalmente não fizeram nada ilegal, pois não havia lei.

A mesma associação (ACAPOR) já fez história com seus processos contra pessoas e empresas devido à pirataria. Há algum tempo atrás, a ACAPOR teria abrido processo contra o site de compartilhamento de arquivos Pirate Bay, a proposta era bloquear o site em todos os provedores da internet portuguesa. Um mês após a proposta, manifestantes se organizaram e hackers efetuaram o chamado Operation PayBack, onde os servidores da ACAPOR vazaram informações de uma série de e-mail em que a associação fazia pouco caso da justiça e do governo Português.

Comentários

Envie seu comentário