Tecnologias que nos deixam MENOS inteligentes

Com tanta facilidade proporcionada pela tecnologia o cérebro humano pode acabar deixando de realizar tarefas simples com mesma eficiência e agilidade de antes, já que as pessoas acabam se acomodando à essas novas praticidade que eliminam a necessidade de raciocinar. Com o uso muito frequente dessas tecnologias as pessoas acabam se prejudicando por não colocar em prática o seus conhecimentos, deixando pouco a pouco o raciocínio pratico do dia a dia. Abaixo encontrará alguns exemplos de tecnologias que acabam desestimulando as pessoas de raciocinarem, confira.

A tecnologia não só agrega conhecimentos com também extermina outros conhecimentos mais práticos! 

comportamento-novas-tecnologias

Calculadora

Mesmo nas operações matemáticas mais fáceis as pessoas acabam utilizando a calculadora e isso acaba prejudicando drásticamente a capacidade de raciocínios e cálculos rápidos. Quando essas pessoas precisarem fazer operações simples ou fazer cálculos no papel e caneta terão grandes dificuldades.

Smartphones

Várias funcionalidades são disponibilizados nos smartphones para facilitar nossas vidas, com isso é possível que marque seus compromissos ou faça anotações sem ao menos precisar tocar no aparelho e também possuem diversas distrações disponibilizadas. Assim a nossa memória ou até mesmo o processamento de informações no cérebro são totalmente prejudicadas, então tome cuidado para não sofrer com falta de memória e ficar dependente do aparelho.

Corretor Automático

Pode evitar erros graves de grafia mas acaba nos deixando despreocupados de digitarmos corretamente afinal o computador irá corrigir cada palavra errada e acabamos deixando de exercitar o cérebro. O ideal é escrever a mão ou desligar o corretor ortográfico para não perder a capacidade de soletração e de grafia, pois depois de um tempo usando o corretor nós acabamos esquecendo coisas importantes como as acentuações.

GPS

Para chegar a um lugar desconhecido podemos recorrer aos mapas, ao Google Maps ou usamos o GPS. Com o aparelho GPS a pessoa não precisa se preocupar em traçar sua rota na memória afinal as direções são ditadas pelo aparelho. É muito importante exercitar essa área do cérebro já que tem uma relação com o hipocampo e se essa área for atrofiada o risco de sofrer com o Mal de Alzheimer é muito maior.

Você também concorda que certas tecnologias nos podem fazer menos inteligentes?

Comentários

Envie seu comentário